Maio Amarelo tem cinema e outras ações para educar os motoristas

Valorizar a vida, reduzir o alto número de acidente e diminuir as mortes que acontecem nas rodovias, esta é a proposta da campanha nacional Maio Amarelo. Desde o lançamento, diversas atividades estão ocorrendo em Santa Maria e em todo o país. Ontem o dia foi de ações de conscientização no trânsito na cidade. Elas foram divididas em duas etapas realizadas na BR 158. Pela manhã, cerca de 250 pessoas participaram do cinema rodoviário. Os motoristas eram abordados e convidados a participarem de uma mini palestra sobre direção defensiva, dentro do ônibus Multi Missão do Estado, com duração de sete minutos. Enquanto isso, os policiais analisavam os documentos do veículo e a Carteira Nacional de Habilitação dos Condutores (CNH). A equipe da 9ª delegacia da Polícia Rodoviária Federal de Santa Maria permaneceu por cerca de duas horas no km 319, em frente ao posto da PRF. À tarde, o trabalho foi desenvolvido em outro ponto da rodovia, por cerca de três horas, no km 324, próximo ao Bairro Cerrito.

- Precisamos despertar a segurança no trânsito, nosso foco é reduzir o grande número de acidentes - destaca Rodrigo Brendler, policial da PRF.

O objetivo das ações é fazer com que as pessoas reflitam sobre as atitudes no trânsito, tanto por parte dos motoristas, como dos pedestres. Conforme dados do governo federal, mais de 90 % dos acidentes são causados por falha humana e poderiam ser evitados.

- Queremos que as pessoas valorizem mais a vida para que a gente consiga reverter os índices de mortalidade e também os acidentes - explica Cláudio Müller, policial da PRF.

No ano passado, 42.501 pessoas morreram vítimas de acidentes de trânsito no Brasil. Mais de 600 mil tiveram ferimentos graves em 2016. As três causas maiores causas são: ingestão de bebida alcoólica, excesso de velocidade e ultrapassagem em local indevido. Durante a palestra, os policiais fizeram um alerta: ¿ a segurança depende de todos, melhorar as atitudes do dia-a-dia é fundamental¿.

O administrador Daniel Zambarda concorda com as ações que estão sendo realizadas pela PRF.

- A gente só vai se dar conta quando o problema acontece, esse tipo de atividade faz a gente mudar as nossas atitudes - afirma.

A família da Elizabete Portela estava voltando para a cidade de Cruz Alta e também parou a viagem para assistir às orientações.

- É muito importante participar, tanto o motorista como os passageiros, ainda mais para nós que passamos na estrada - comenta a dona de casa.

CAMPANHA A cor amarela foi escolhida por simbolizar atenção, em referência à sinalização de advertência no trânsito. Já o mês foi escolhido por ter uma ligação com a história de segurança no trânsito, foi em maio de 2011 que a ONU decretou a ¿Década de Ações para a Segurança no Trânsito¿. Uma das metas é reduzir pela metade os acidentes de trânsito, mas para que isso venha acontecer o trabalho deverá contar com a colaboração de todos. Ao longo do mês de maio, irão ocorrer diversas palestras em escolas e Unidades Militares, Escola de Trânsito, Cinema Rodoviário, fiscalizações e abordagens educativas dentro de Santa Maria e nas rodovias federais e estaduais.

Notícias em Destaque
Notícias Recentes
Arquivo Mensal
Pesquisa por tags
Sigam-nos
  • Preto Ícone Google+
  • Instagram Social Icon

© 2019  Gestão Ambiental BR-158/287-RS Travessia Urbana de Santa Maria | Desenvolvido por @InnovatorDesign